27 de agosto de 2008

Pouco a pouco

Pouco a pouco, acreditando, as barreiras foi quebrando.
Foi difícil no começo, parecia tão distante.
Seu caminho tão escuro transformou-se tão somente.
Claridade enxergava pela fresta da janela.
Essa luz que mesmo ao longe, tão pequena parecia.
À medida que avançava, quanto mais ele lutava.
Transformava o impossível, sua vida transformava.
O que um dia era sonho, hoje é realidade.

2 comentários:

Anônimo disse...

A luz está dentro de nós.
Você é LUZ.
Vamos continuar quebrando todas as barreiras.
O nosso AMOR supera TUDO.
Beijos.
Márcia
TE AMO

PÉ DE PITANGA disse...

Nao entendi nada...
Ah, e o posto de aniversario para o Marco? Fiquei esperando!
Bjs