15 de outubro de 2008

Que saudade da professorinha...

Como o pequeno lavrador que prepara a terra e lança as sementes ao solo, assim é a vida do professor. Pequenas sementes, pequena mentes.
Crianças abertas para um mundo novo, prontas para uma nova vida...
Professor. Profissão outrora tão valorizada e respeitada.
Aquele que ensina, muitas vezes não vê o resultado de seu trabalho.
É como aquele lavrador que lançou as sementes e partiu para outros campos, sem ver sua plantação florescer...
Mesmo assim não desiste. Sabe que seus ensinamentos um dia trarão frutos.
Neste dia, gostaria de homenagear todos os professores.
Trago como símbolo dessa profissão, minha querida mãe Maria Antônia.
Professora dedicada, amava o que fazia. Seus alunos eram suas sementes.
Com certeza, muitos alcançaram sucesso e hoje se encontram entre nós.
Parabéns!

2 comentários:

Anônimo disse...

Você vale ouro!!!
Beijos.
Márcia

ZAZÁ LEE disse...

Oi querido...

Depois de um ausência temporária, aos poucos estou voltando....
Amei esta homenagem para o Dia do Professor. E principalmente porque vc fala da mamãe.

Bjs